sexta-feira, 30 de maio de 2014

Relaaxe

Boa tarde *---*


Você está reclamando da vida? Caaalma, é só uma fase! vai passar ;) existem pessoas em situações muito piores. Pense positivo, depois da tempestade vem a calmaria. ;*

quarta-feira, 28 de maio de 2014

Second Video

 Já viram meu segundo vídeo? aoisoaisois

https://www.youtube.com/watch?v=6o7bF70Xvp4

;)



Tratamento a base de música!


   Estando triste, feliz, nervosa, ansiosa, preocupada, doente... para dormir, ao acordar, cumprindo deveres, me arrumando... em todas as situações da minha vida a música está presente. Agradeço muito a Deus por este dom, eu não me imagino não fazendo o que eu mais amo e o que eu mais sei.
   Music is everything to me ♥.
 Sei que vai haver concretização disso tudo.
  Espera só ;)


Boa noite. 

terça-feira, 27 de maio de 2014

01:26



01:26 da manhã.. Silêncio. As palavras não me deixam dormir. Sozinha de presença humana, envolvida pelo abraço dos meus melhores amigos Jesus e Espírito Santo, sustentada pela misericórdia do meu Deus.
 Transformando as palavras que não me deixam dormir em melodia...

Embaralhou tudo



  Não espero que as respostas cheguem rapidamente até a mim, afinal de contas estamos nesse processo chamado vida, não quero ficar pulando etapas, qual é a graça?
 Está tudo tão confuso dentro de mim, sabe? não sei se você já passou por isso de ter a dúvida se está fazendo o certo.
 Já não sei e talvez nem queira saber sobre o correto sobre o errado. Vou viver. Estou vivendo.

Boa noite.

New Video


Boaa noite ^_^

Já viram meu novo vídeo? https://www.youtube.com/watch?v=AfSYqEFCqzg&feature=youtu.be


:3

segunda-feira, 26 de maio de 2014

C-R-A-Z-Y



-"Gaby, você é doida" 

-"Gaby, você é doida" 

-"Gaby, você é doida" 

-"Gaby, você é doida" 

-"Gaby, você é doida" 

eu já ouvi isso algumas muitas vezes de algumas muitas pessoas, kk, eu não era, poxa =/, só inconstante como sempre, mas agora... Yes, i'm crazy.


domingo, 25 de maio de 2014

ME DEIXA!

  Boa noite.

 A hora de errar é agora, de fazer as coisas acontecerem, de me arrepender, investir, arriscar, deixar ir, chegar, perder o medo, 
 Véi, quer saber? eu estou me cobrando demais e só tenho me ferrado. Tô de saco cheio de tentar fazer 'tudo' certo e ter que dar explicações. Viverei mais, me permitirei mais e na moral? Não estou nem aí mais.
Certas coisas acontecem pra gente deixar de ser besta.



Este é o meu momento! Preciso deste tempo.

;) 

sábado, 24 de maio de 2014

Para quem mereça

   Oi.
 


Costumo ser prática descomplicada centrada e decidida! é, mas em uma determinada área da minha vida tenho vacilado.
 Mas não vou me deixar abater por um erro meu, mas... erro? meu? isso! é como diz o Emicida:
"Segunda chance é só no video-game então é bom ficar ligeiro viu!"  ♫♪

e o meu foi acreditar que poderia ter sido diferente.

quarta-feira, 21 de maio de 2014

Why? @_@

Oiii.

AAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAHHHHHH, PRECISO GRITAAAAAAAAAR EXTRAVASAAAAAR E JOGAR TUDO PARA O AAAAAAR  (ok menos).

 Faz uns diaszinhos que estou sofrendo de Nostalgia - como perceberam-, mas a minha maior falta é de: CANTAR! rotina de ensaios e etc. oh my! pra completar ainda tive um sonho praticamente a noite toda com isso. Cara ser Gabrielle não é fácil



E se eu fosse normal? aí seria chato u_u, rs , mas... e se eu não fosse tão inconstante?.. hmmm, eu não seria tão interessante :3 kkk. Gosto de ser eu porém né fácil não, ainda não encontrei as respostas que preciso. inclusive musicalmente falando, quando começo a ter certeza absoluta de uma coisa aí outra coisa me faz ter a certeza de que eu não tenho certeza de nada... não sei como lidar..
 WHY?

;* Beijo

segunda-feira, 19 de maio de 2014

Bíblia Freestyle

 Falaí. 
 ÊÊÊÊ, após uma semana maaaaais ou menos mais ou menos, estou voltando ao meu 100%, ninguém gosta de ficar doente não é? geralmente isso acontece quando tenho coisas importantes para fazer ou cantar em algum lugar, why?? =/.

 Pois então, sexta feira (16/05) o programa Vejam Só do canal Rit abordou o seguinte tema: Igrejas "Underground" e Bíblia "Freestyle". Até que ponto estamos adaptando o evangelho ao nosso gosto?. 

 Para o debate estiveram presentes o Pr. Ariovaldo Jr. de MG e o Rev. Ageu Cirilo.
 Mas o que vem a ser? Então, o Pr. pega trechos da bíblia e explica/adapta de uma forma descontraída, como ele mesmo diz "de estilo livre e fácil entendimento". 
Pr. Ariovaldo o autor diz a respeito: " Surgiu em Janeiro de 2013 é um projeto experimental somente para a internet , dotada de linguagem que é usada na evangelização, tem liberdade poética e serve para  alcançar nichos diferentes" segue dizendo que na Igreja em que pastoreia a Bíblia convencional é utilizada e não esta.
 Já o Reverendo não concorda e "não considera que seja a palavra de Deus pois foge do sentido".



 Eu achei da hora a idéia, como o próprio pastor disse que "através dessa iniciativa muitas vidas foram e estão sendo alcançadas" ele só não parou devido ao bom resultado e frutos dados.
Toda forma de levar a palavra do Criador é válida, desde que seja com respeito seriedade e com a intenção de realmente evangelizar e não adquirir popularidade a partir do nome de Jesus Cristo. Plausível essa ação, pessoas que são malvistas pela Igreja e deixadas de lado se sentem bem e úteis no Reino, mas o único "defeitinho" que vejo é que algumas expressões tem sido usadas de forma inadequada.

POis é, Zé, boa noite, já estou começando a ter outras idéias a partir do post de hoje. ;*



quinta-feira, 15 de maio de 2014

quarta-feira, 14 de maio de 2014

Bichinhos ♥

Opa!

O Inverno começa no mês que vem , meu coração fica triste ao ver cachorros e gatos abandonados em mais uma estação, esta que é tão fria e chuvosa.
 Por que você não começou mencionando as pessoas que passam pela mesma situação? Cara, não me entenda nem me veja mal, mas os humanos tem a opção do trabalho e esforço para conseguirem algo ou abrigo, e os bichinhos não =/, eles são abandonados pela irresponsabilidade/cara de pau/ falta de amor e tudo de ruim de quem inicialmente se disponibilizou para dar carinho amor e alimento, se não pode criá-los nem dê início ao processo.


 O único motivo que me faz querer muito dinheiro é a vontade de dar início a minha Ong para essas criaturinhas que trazem tanta felicidade. Necessitam de cuidados, mas esse 'trabalho' não se compara a alegria que nos proporciona.
Boa noite.

Eu quero uma casa no campo

Oii.



 Tem dias em que ao acordar não dá vontade de fazer nada, nem de arrumar a cama, falar com ninguém ver ninguém saber opiniões tentar entender questionamentos obedecer 'ordens' cumprir obrigações ... o único desejo é ouvir música no último volume, senti-la, e acompanhada de papel lápis ou caneta escrever escrever escrever até se cansar. Ah, comer, beber uma água um suco só pra ter energia para continuar escrevendo.
 Penso em ter uma casa no campo, não me imagino futuramente sem os momentos de forever alonisse. rs



;*

Memórias- Parte 3

afinal de contas eu era a esquisita ninguém me notava e se me notava não dizia, eu não tinha me dado conta de que me achavam bonita (...)

envolvida com a banda estava me esquecendo do que é prioridade em minha vida, e ao invés de progredir eu estava regredindo. Mas por quê regredindo? Sei que quando o meu estado Espiritual não está bem todo o resto não está (não sou ligada a tal religião e sim a Jesus e seus ensinamentos). Resolvi dar uma pausa para recuperar o tempo perdido e começar a realimentar minha alma e Espírito com o que realmente interessa, durante o processo abri mão de coisas, pessoas e lugares que não fortaleceriam minha comunhão com Deus. Se foi fácil? não! não é moleza deixar o que traz alguma satisfação, porém momentânea que só massageia o ego.
 Comecei a me lembrar do cuidado de Jesus e do Espírito Santo para comigo, das vezes em que fui poupada de determinadas situações e de outras em que houve a permissão de que acontecesse para eu poder sentir na pela quão ruim é estar longe, me lembrei de uma  conversa com uma amiga: - Quando passo por aqui me lembro da orla, sinto saudade da Praia, Dezembro está chegando 
e eu não planejei nada. Como eu gostaria de conhecer o Rio de Janeiro. Poucos dias depois recebo uma visita inesperada de pessoas que são praticamente meu tio e tia me convidando para ficar um tempo em Cabo Frio e Niterói *-*, eu simplesmente não acreditei, meu pedido inocente foi ouvido e atendido, e nesse tempo longe de casa tive um direcionamento intensivo a respeito do que eu achava que já sabia, onde fez uma diferença GIGANTE.



  Primeiro passo dado, as coisas já estavam/ estão se ajustando, peças se encaixando, estou amadurecendo, o que ocupava espaço em minha mente como preocupação se transformou em: Esperarei e confiarei em Deus pois somente Ele sabe das minhas necessidades e o que é melhor pra mim.  
   Tenho uma conexão com Cristo antes do meu nascimento, mesmo criança sem saber o que estava acontecendo sempre conversava com Ele a respeito de tudo, fui crescendo e o diálogo não cessou mesmo nas épocas em que eu "não estava nem aí" pedia forças por não ter força nem para orar, na época em que eu era vista como esquisita Ele continuava comigo porque o que realmente interessa é o meu coração apesar dos piercings cabelo picotado e etc. 
  Vi pessoas se aproximarem pelo que eu me tornei fisicamente, estas que antes nem conversavam comigo, continuarei presenciando esses casos, interesse quanto coisa gira em torno do interesse. É tenso. 






 Muita coisa ainda vai mudar.
ESTOU AMADURECENDO.   

ótima tarde.

   

quarta-feira, 7 de maio de 2014

Memórias parte 2

(...)Sempre me senti uma estranha nessa cidade até que fui conhecer SP, como esquecer a ótima sensação em pisar na Terra da Garoa e ver trocar idéias conhecer pessoas esquisitas como eu *----*.    


Realizei tudo que desejei fazer durante muito tempo (com ajuda da tia Ca *-*) roupas, passeios, corte radical de cabelo, tudo perfeito que eu não queria voltar mas foi o jeito, aqui estou na cidade com uma nova visão a respeito de muita coisa, viajar me fez bem, mas os olhares em relação ao meu jeito de vestir só aumentaram e eu nem ficava tão pilhada como no começo. Voltei com sede de formar a banda, se inicia um ciclo estressante que não acabou, mas, amenizou no começo deste ano. Comecei a ter uma "visibilidade" na internet através do meu estilo, das fotos, criei este blog sem a intenção de ter muitos acessos era/ é apenas uma agenda virtual feita por causa da insistência de um dos meus melhores amigos. Houve uma aproximação, conheci pessoas que de certa forma me entendiam, já não me sentia totalmente sozinha, me envolvi em projetos da igreja, quis conhecer o Universo Skateboard onde conheci pessoas legais chatas e brothers atuais, eu e a Amanda nos tornamos melhores amigas e foi umas das melhores épocas da minha vida! mas essa amizade de certo modo se desfez.17/18 anos certas coisas estavam me cansando, iniciei um relacionamento com quem não me merecia, muita coisa mudava, mais responsabilidades, vontade de ter uma banda, vontade de sair daqui, vontades que já não cabiam em mim. Descobertas, decepções, paixonites, conheci outros estilos 'voltei' ao normal quis mudar deixa cabelo crescer novo corte picotes feitos por mim quero ser normal NÃO CONSIGO E NEM QUERO SER NORMAL.



 Responsabilidades, estava saindo mais, já não tinha vergonha de vestir shorts, começava o processo de libertação do peso da religiosidade. Comecei a mudar, já não me viam como antigamente os garotos já corriam atrás de mim :o, comecei a receber uma pá de convite, iludi fui iludida, continuei tentando montar a banda, montei. tentativas frustradas, comecei a gravar vídeo cantando sozinha depois com um amigo depois com dois depois dançando. Já estava conhecendo a "galera do Rock" já estava cantando as músicas da Amy Lee e da Pitty em eventos, recebendo convites para outros eventos, me ferrando em alguns (propaganda enganosa dos "produtores"), não desprezando a veia Hip Hop comecei a dançar e me senti bem. Envolvida com música conheci uma pá de pessoas 'fora' do Rock também, gravei, cantei, me estressei, ganhei amigos 'perdi' estes. Finalmente montei a banda, comecei a investir ensaiávamos toda semana começamos a tocar, aí chovia homem (hahaha) eu não estava nem aí, afinal de contas eu era a esquisita ninguém me notava e se me notava não dizia, eu não tinha me dado conta de que me achavam bonita (...)

terça-feira, 6 de maio de 2014

Memórias parte 1

 E aí (:

Me veio algumas lembranças de umas épocas aí. Nostalgia.



-"Esquisita/estranha" veeeish, nem te conto quantas vezes fui chamada assim pelo simples fato de curtir um Rockzinho. Enquanto a maioria decidia em qual festinha ir eu preferia ficar em casa, de vez em nunca quando eu decidia sair optava por um look mais comportado ( short com meia calça, blusas fofas monocromáticas- emozando-) meu objetivo sempre era apenas me divertir, conversar, rir bastante e não chamar atenção com o meu corpo. Se eu me interessava pelos garotos do colégio? raros casos, geralmente os de gosto musical similar, mais largados, com cabelo desarrumado (moderadamente, pq né...rs), os mais quietos misteriosos mas ao mesmo tempo divertidos. As meninas 'normais' sempre estavam em busca de aventuras e consequentemente não sossegavam com um só, eu ficava chateada com essa atitude não porque eu era a "excluída" mas porque eu via sentimentos e valores sendo jogados no lixo (isso sempre me irritou profundamente). Gostava mesmo era de contemplar a natureza acompanhada do caderno lápis ou caneta e ali transformar sensações em palavras, músicas, poemas. Comprava revistas adolescentes, nossa! eu era viciada, queria estar por dentro das notícias sobre bandas e artistas, cortes de cabelo, looks, dicas de relacionamento (ahueahue). Como eu ainda não poderia ter tatuagem colocava piercings e desenhava como eu seria futuramente (também esteticamente falando). Na maioria dos trabalhos escolares eu era a jornalista, amava quando algum tema era relacionado a música! após apresentar voltava para o meu lugar na maioria das vezes ficava calada, se dizia algo era pra bater aquela velha resenha, aaah as resenhas, zoações, quando estava com os meus bests eu realmente me jogava e não tinha piedade depois fingia que nada tinha acontecido (cara de santa ever, kk) .As únicas reclamações que já levei foi por ter esquecido o livro ter chegado atrasada ou por estar me olhando no espelho ¬¬, como sempre tive essa carinha fofa, huhuhu, nos dias em que estava beem tagarela assim que a professora olhava eu ficava quieta e quem levava bronca eram os outros. Omg, como eu era apaixonada pela Amy Lee, e louca pela Hayley, omg!!!.
Sempre me senti uma estranha nessa cidade até que fui conhecer SP, como esquecer a ótima sensação em pisar na Terra da Garoa e ver trocar idéias conhecer pessoas esquisitas como eu *----*.    

TO BE CONTINUED ...


segunda-feira, 5 de maio de 2014

Pfvr migs ¬¬

Oii, Feliz mês novo pessoaaas :D.


  Então, a Demi esteve por aqui  (como eu queria estar lááááááá*-*)  e semana passada foi a vez da Avril dar o ar da graça pelo país. Cara, as músicas desta indivídua fez parte da minha pré adolescência, adolescência e de vez em quando faz até hoje, kkk, já foi uma referência se tratando de estilo musical e de se vestir. 
  Eu sinceramente não entendo como artistas que dizem amar loucamente seus fãs conseguem ser tão frios a ponto disso acontecer: Foi cobrado R$800 por uma foto básica sem direito a tanta proximidade :o  (um preço até básico em vista de outras fresquices e valores altíssimos por aí).
 Anseiam pelo reconhecimento e quando isso acontece começam a extorquir de quem ( de certa e significativa forma) os ajudou. O que seria desses famosos se não tivessem quem os apreciem? escutem? comprem seus cd's camisetas seja lá o que for. É tenso. Mas pra quem pode e gosta de pagar... legal não é? (ironia on)

Beijo Beijo ;*