sábado, 24 de setembro de 2011

O que eu quero

    Opa, opa tô chegando...
    Ontem, saí do banho e tal, fui vestir minha roupa, daí o caderninho estava em cima da cama, de repente, me deu aquele negócio, rs, peguei a caneta e comecei a escrever... não costumo postar músicas ou rimas no blog não ( puro ciúme u.u) mas essa, achei tocante, haha! antes de escrever qualquer coisa, eu nunca imagino sobre qual tema vai ser, eu vou me envolvendo, rs, se liga:

  Agora eu tô tão feliz fazendo o que eu quero, não quero nada de ninguém de ninguém nada espero, eu tô compondo, cantando, saindo, zuando, não esquecendo de tudo que aprendi, deixei pra trás a parte ruim que vivi, vou em frente, temente, sempre exigente, vou caminhando e falando o que vem a mente.
  E pro mlk que disse que eu me achava a tal, que no skate eu não tinha moral, olhe agora e veja o que aconteceu, tô evoluindo, e você? quanta coisa perdeu, me perdeu, esqueceu os valores que aprendeu, se meteu em uma roubada e se... haha, Deus é justo pra quem nele crê, cedo ou tarde a verdade tinha que aparecer, agora tô tão feliz fazendo o que eu quero, não quero nada de ninguém de ninguém nada espero.
  Feridas invisíveis o tempo irá cicatrizar, eu já não me preocupo deixo a vida rolar, eu tô compondo, saindo, zuando, NÃO ESQUECENDO DE TUDO QUE APRENDI!





 pois então, sumemo, eu tô aqui passada com o show da Ri gente, um verdadeiro perigo (Rock in casa, asoaiosia, fazer o quê) mas depois comento pq tenho que ensaiar muito hoje.
Beijos

Nenhum comentário:

Postar um comentário