domingo, 27 de fevereiro de 2011

Bem vinda , noite!

  
Sempre tive um grande fascínio pela Lua, estando ela Nova, Crescente, Cheia ou Minguante. Seu poder de atração é mágico, aguça a imaginação me convidando a bailar incessantemente sem que eu me mova , e com o auxílio das estrelas estou envolvida por pensamentos mirabolantes que só ela me traz.
    E quem falou que tal gosto só pode ser relacionado aos góticos? Ahh meus caros, sinto-lhes informar que esta "regra" tem suas excessões, e que existem muitos por aí , como eu, que "funcionam" bem melhor a noite.
   A brisa noturna talvez traga a sensação de revitalização, poder, liberdade para ser e fazer o que eu quiser, me desligo dos problemas daqui e repouso no meu mundo, onde consigo mentalizar, planejar, decifrar coisas
que só são calculadas a luz da Lua.
   Absolutamente nada contra o Sol , grande presente de Deus, mas porquê será
que o turno oposto ao dia sofre tamanho preconceito? As pessoas sempre atribuem a coisas ruins e supostamente sombrias!, ahh meus caros, sinto-lhes informar que maldades acontecem a qualquer hora, no claro ou... no escuro
E aos apaixonados pela noite, deixo o meu olá, só eles sabem o divino bem estar que sentimos quando ela se aproxima!

Abraços

quinta-feira, 10 de fevereiro de 2011

Acho indigno

Eu acho IMPRESSIONANTE a capacidade que certas pessoas possuem de se auto promoverem,
ou ...simplesmente se acharem. Lógico, cada sobrevivente possui determinadas qualidades, dons, seja cozinhar, dançar, cantar, ouvir, desenhar [...], agora "cá pra nós", estabelecer um diálogo com determinados tipinhos que só sabem falar sobre suas "habilidadeszinhas" ou uma popularidade que não existe é uó.
 Quando me deparo com tal situação, eu olho pro lado e não dou a mínima, falta de educação? :Que nada,
um jeitinho prático de evitar um stress de verdade, minhas emoções, sensações, são sempre transparecidas mesmo sem eu dizer nadica de nada , confesso que tento me segurar, daí penso: Vou sorrir e agir naturalmente, haha , não, não consigo, "fecho a cara" mesmo.
Compartilhar sobre o que gosta de fazer, trocar dicas, ensinar, demonstrar ( se a outra pessoa quiser) , tudo de bouinhas é válido,mas um monólogo? acho indigno.

Beijos

segunda-feira, 7 de fevereiro de 2011

Fria a calculista



Falsidade e hipocrisia são um dos sentimentos que eu ABOMINO, pessoas "adeptas" (consigo detectá-las facilmente)  a isso me enojam!apenas peço a Deus por misericórdia.
Não me considero uma pessoa perversa, não desejo o mal para ninguém, porém a falta de compaixão transparece,consigo agir friamente em situações que as vezes me surpreendem, e aquele pensamento vem á tona: Como pude ser tão fria?
Não confio nos humanos, quinze minutinhos de conversa não me farão sua best forever, scraps, depôs ou elogios não significam que serei sua amiga. Me rotulam como antipática por eu não sorrir para todos, por não tentar ser coleguinha de todos, apenas fico na minha, existe uma comunidade que resume 80%,  cuja descrição é:
"Não faço por onde aparecer, incomodar, perguntar, ironizar, questionar, discutir, revidar, brigar, controverter, julgar, perturbar, azucrinar, desobedecer, duvidar, reclamar, contestar, subverter, debater, homenagear, opor, exigir, pedir, reivindicar, protestar, molestar, importunar, inquietar, desgostar, indispor, melindrar, enfadar, maltratar, surgir, sobrevir, revelar, mostrar, comparecer, achar, conversar, palestrar, correr, brincar, ajudar, colaborar, conscientizar, atrapalhar... nada disso."
Nada disso até o momento em que não tentam "pisar no meu calo",pois quando provocam eu retribuo (mesmo que demore)  o negócio é cada um na sua, cuidando da sua vida, dando satisfação a quem realmente merece, distribuindo amor, fidelidade, respeito e tudo que for bom pra quem realmente merece.
Não confio não tenho piedade não quero agradar se eu gosto gosto se não, fica perfeitamente visível em meu semblante!
Sou fria e calculista mesmo, muito antes disso virar modinha, muita gente nem sabe o que é, mas por ter virado um termo bastante utilizado apenas seguem, se promovem.
Se eu me vingo? 
Não me dou ao trabalho, apenas calculo e mais cedo ou mais tarde tem retorno, porquê tudo que vai volta, aaaaaaah são enúmeras as minhas experiências...
Se isso me atrapalha?
Meu caráter, meu jeito de ser foram moldados deste jeito, pode ser que tenha me atrapalhado muito antes, hoje sei lidar muito bem com isso, mas não deixo de me surpreender com algumas atitudes minhas. (friamente falando).
Não pense que eu posso ser enganada, sou muito mais do que você pode ver e imaginar! não pense que não tenho sentimentos, amor em mim é o que não falta♥
Haha, enfim, deu vontade de postar isso né :)
Boa Terça feira.